7 sinais que mostram que o mercado imobiliário está pronto para o novo investidor

5 minutos
|25/06/2019
7 sinais que mostram que o mercado imobiliário está pronto para o novo investidor
Investimento Imobiliário

Como essa retomada de fôlego ainda caminha de modo gradual, quem procura imóveis para comprar ainda pode lucrar com a alta de preços que virá nos próximos anos.

Neste artigo, veja outros indícios de que o mercado imobiliário está pronto para receber o novo investidor. Confira a seguir.

Por que o novo investidor deve apostar no mercado imobiliário?

Como vimos, o mercado imobiliário apresenta perspectivas bastante positivas para o próximo período. Ele oferece atrativo para todos os perfis de novos investidores que procuram uma opção segura e com boa rentabilidade.

Entre os sinais de indicam que esse tipo de investimento apresenta bom potencial para os novos investidores, destacam-se:

1. Lançamentos do mercado imobiliário

De acordo com a Empresa Brasileira de Estudos de Patrimônio (Embraesp), a projeção é de que, em 2019, sejam lançados 33 mil unidades, o que representa um crescimento de 10% em relação aos últimos anos.

Novos imóveis significam que você terá mais unidades para escolher a que apresentar melhor custo-benefício e também mais opções e possibilidades para fechar boas negociações.

2. Possibilidades trazidas pelo crowdfunding

O crowdfunding é um fator de mudança considerável para o setor imobiliário. O financiamento coletivo garante aos pequenos investidores a possibilidade de competirem e fazerem parte desse movimento mesmo não tendo um valor muito alto para investir, além de torna alguns dos atuais mercados de imóveis acessíveis a um grupo muito maior de investidores.

3. Propriedades com tamanhos mais compactos

Ter uma vida estabilizada, crescer profissionalmente e estar adepto às tendências empresariais, hoje em dia é prioridade para muitas pessoas, e isso influência diretamente no conceito moderno de família.

Uma boa parte da população opta por não ter filhos ou não ter uma família muito grande. Por isso, a procura por espaços cada vez menores e práticos tem aumentado. Para o investidor, essa é uma boa notícia, já que não será preciso gastar além das economias para adquirir um espaço amplo para investimento.

4. Facilidades financeiras

A projeção da Selic, uma taxa básica de juros do Brasil, feita pelo Banco Central e usada como instrumento para controlar a inflação, cai para 6,5 em 2019. Com a queda, os juros também são consideravelmente reduzidos. Os principais bancos do país anunciaram uma nova redução das taxas de juros cobradas no crédito para pessoas físicas e empresas.

Já para aqueles que não têm o valor total do investimento, há uma modalidade mais acessível. Tratam-se dos fundos imobiliários, por meio dos quais é possível comprar uma cota. Mas, claro, antes disso, é preciso avaliar todas as possibilidades de cada um deles e seus objetivos enquanto investidor.

5. Confiança do consumidor e do mercado

Outro dos sinais importantes que mostram que o mercado imobiliário está pronto para o novo investidor começou a se mostrar com mais evidência após o término do processo eleitoral no Brasil no final de 2018.

Desde então, incorporadoras, construtoras e imobiliárias passaram a perceber maior índice de requisição de seus projetos, incentivados pela confiança do mercado e do consumidor nesse novo ciclo no país – de fato, o Índice de Expectativa do Mercado Imobiliário registrou um incremento de ânimo no último trimestre do ano passado, e a confiança chegou a um patamar recorde desde 2015.

6. Segurança do mercado imobiliário

Se você é um novo investidor, já deve ter se perguntado algumas vezes se apostar no mercado imobiliário é realmente um negócio seguro. Saiba que trata-se do segundo investimento mais seguro do mercado.

Entre os atrativos de seguranças, podemos destacar a alta possibilidade de valorização maior que a de fundos de renda fixa e da caderneta de poupança; a moradia como necessidade básica, o que gera uma demanda frequente de mercado, e as possibilidades de não apenas revender o imóvel como também alugá-lo para garantir uma renda fixa mensal.

7. Versatilidade de fontes de lucro

Coliving, Coworking, salas comerciais, galpões, apartamentos para curta ou longa temporada, casas… São muitas as possibilidades de imóveis para que você escolha a que cabe no seu bolso e que está alinhada às suas expectativas como investidor.

Além das variações de preço, escolher um local para investir diz muito sobre o perfil de clientes com quem você quer fechar negócio e qual o tipo de contrato você quer firmar como, por exemplo, a escolha entre a venda e o aluguel.

Se você é um novo investidor e quer dedicar suas economias em um negócio seguro, vale a pena estudar o mercado imobiliário e todas as suas possibilidades. Rentabilidade, liquidez, segurança e tranquilidade são apenas alguns dos atrativos desse setor.

E então, pronto para dar um passo além em sua jornada como investidor? Para isso, confira nosso infográfico com X tendências certeiras de investimento imobiliário

Compartilhar

Novidades Vitacon

Assine nossa newsletter e acompanhe nossas notícias sempre em primeira mão:

whatsapp