Como saber se a venda do imóvel é um bom negócio?

6 minutos
|10/07/2019
Como saber se a venda do imóvel é um bom negócio?
Investimento Imobiliário

Você sabe como avaliar quando a venda de um imóvel é um bom negócio? Um investimento de sucesso é influenciado por diversas ações por parte do investidor, mas as principais decisões estão relacionadas à compra e venda do imóvel – afinal, são os momentos que dão início e encerram a operação.

Quando um imóvel é vendido no momento correto, é possível maximizar a rentabilidade do investimento. Porém, quando isso não acontece, a lucratividade pode ficar comprometida – ou, em alguma situações específicas, o investimento pode gerar um prejuízo para o investidor.

Levando em consideração, encontrar o momento ideal para fazer a venda dos seus imóveis pode ser um grande diferencial nos seus rendimentos. Talvez aguardar 3 meses para realizar a venda pode representar um aumento de 20% no lucro. Ou talvez optar pela venda no momento atual evite que você tenha que lidar com a desvalorização desse imóvel.

Para que você consiga identificar com facilidade quando a venda do imóvel é um bom negócio, veremos ao longo deste artigo quais são os fatores que devem ser avaliados. Acompanhe.

Como saber se a venda do imóvel é um bom negócio?

Não existe um momento exato em que a venda do imóvel é um bom negócio. Cada operação depende de uma série de aspectos – que também incluem os objetivos do investidor com a operação. Por essa razão, essa decisão passa por uma análise completa de vários fatores que influenciam nos preços de venda e rentabilidade do investimento.

Veja a seguir quais são os fatores que você deve considerar ao avaliar se a venda do imóvel é um bom negócio:

Faça uma avaliação sobre o valor atual do imóvel

O primeiro passo para fazer uma avaliação sobre a venda de um imóvel é descobrir qual é o seu valor atual no mercado. Sem essa informação, seria impossível definir se é possível obter uma boa lucratividade com o fim do investimento, não é?

Para descobrir o valor atual do imóvel, você pode considerar diversos fatores: preços de outros imóveis da região, localização do imóvel, metragem, características do imóvel, estado de conservação, outros recursos disponíveis, entre outros aspectos.

Valorização do imóvel

De uma forma bem simplista, a lucratividade de um investimento imobiliário está baseada na diferença entre o seu valor de venda e seu valor de compra, certo? Nessa equação, ainda podem ser adicionados todos os outros custos envolvidos na operação e as receitas obtidas com a sua locação durante o período em que ele esteve sob a sua posse.

Isso significa que descobrir quanto o imóvel valorizou desde o momento da compra é uma forma de descobrir se a venda do imóvel é um bom negócio. Se você teve gastos que totalizaram R$350.000,00 e consegue vender esse imóvel por R$400.000,00, significa que o lucro total é de R$50.000,00. Esse é um valor que está abaixo ou acima das suas expectativas iniciais?

Da mesma forma, vender um imóvel que sofreu uma desvalorização desde o momento da compra gera um prejuízo no seu investimento. Nesses casos, a pergunta que deve ser feita é: o imóvel tende a continuar desvalorizando? Caso a resposta seja sim, você pode considerar uma venda para minimizar os prejuízos.

Situação do mercado

Outro fator muito importante na sua análise é a situação do mercado como um todo. Como está a confiança do consumidor? Qual é a taxa de juros? Existe uma facilidade no acesso ao crédito? A tendência é que a situação melhore ou piore nos próximos meses? Todas essas questões exercem influência sobre o preço de venda e sobre a demanda pelo seu imóvel.

É preciso compreender que existem momentos bons para a compra e para a venda de imóveis. Você não deseja vender um imóvel quando os preços estão lá embaixo e os outros investidores estão comprando, certo? O ideal é esperar pelos momentos de altas nos preços – que geralmente surgem com o aumento da demanda.

Expectativas para o futuro

Se um imóvel já superou a valorização esperada quando você iniciou o investimento, é o momento ideal para fazer a sua venda, não é? Apesar da perspectiva otimista, é preciso fazer uma avaliação sobre as expectativas para o futuro. Se a tendência é que esse imóvel continue valorizando, você tem a oportunidade de gerar uma lucratividade ainda maior.

O mercado imobiliário possui uma relação muito próxima com tendências e expectativas para o futuro. Se existe um projeto de construção de uma nova praça e um centro comercial próximo ao seu imóvel, é muito recomendável esperar pela finalização dessas obras – afinal, são aspectos que geram a valorização dos imóveis do entorno.

Da mesma forma, se você souber em primeira mão sobre o fechamento de um shopping center que gera um grande movimento de pessoas no bairro do seu imóvel, pode ser mais inteligente tentar a sua venda o quanto antes e partir para outro investimento. Tudo depende das expectativas para o futuro.

Objetivos do investidor

Um investidor que compra um imóvel na pré-venda e realiza a sua venda ainda na etapa em que o imóvel está na planta consegue obter um retorno do investimento de forma muito rápida. Já outro investidor que compra um apartamento na praia e tem planos de aproveitá-lo com a sua família está realizando um investimento de longo prazo.

O momento ideal para a venda também está relacionado aos objetivos buscados pelo investidor e à necessidade de obter o retorno sobre o investimento. Mesmo que exista um grande potencial de valorização do imóvel que foi vendido ainda na planta, talvez seja mais vantajoso investir esse capital em outro investimento de curto prazo – gerando vários negócios com pequena lucratividade dentro de um breve período de tempo.

Rentabilidade do negócio

No fim das contas, a venda de um imóvel é um bom negócio quando oferece uma boa rentabilidade para o seu investimento. Qual foi a lucratividade da operação? E quais eram as expectativas iniciais? Antes de realizar a venda, procure tirar um instante para refletir sobre os valores envolvidos na operação – comparando com outros investimentos e pensando nas suas perspectivas de novos investimentos para o futuro.

Você gostou das dicas para identificar quando vender um imóvel é um bom negócio? Ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Deixe o seu comentário!

Compartilhar

Novidades Vitacon

Assine nossa newsletter e acompanhe nossas notícias sempre em primeira mão:

whatsapp