ON Blog

Seja bem-vindo
ao Blog da Vitacon

Fale Conosco
  • Whatsapp
    11 97534 6551
  • Chat
    Online Agora
  • Telefone
    11 3588 4101

Técnicas para cobrir os custos de fechamento nos seus investimentos imobiliários

Investimento imobiliário • 06/01/2020 • min. Técnicas para cobrir os custos de fechamento nos seus investimentos imobiliários

Eles oferecem diversas vantagens, tais como a ampla diversidade de opções, o frequente surgimento de ótimas oportunidades, o seu alto potencial de valorização, a sua capacidade de atingir elevados índices de rentabilidade, entre tantas outras.

No entanto, para fazer bons investimentos imobiliários, é preciso estudar, planejar e tomar alguns cuidados e precauções, a fim de que imprevistos não prejudiquem sua aplicação.

Nesse contexto, uma das dúvidas mais comuns diz respeito aos custos envolvidos nas operações. De fato, é importante estar atento para prever gastos que vão além da compra do imóvel ou do fundo imobiliário em si. 

Pensando nisso, preparamos o artigo de hoje. Confira, a seguir, quais são os principais custos que podem estar envolvidos nos investimentos e dicas de como cobri-los no fechamento das negociações. Acompanhe. 

Quais são os principais custos de fechamento nos investimentos imobiliários?

Entre os itens que merecem sua atenção para planejar-se financeiramente ao realizar transações no mercado imobiliário, podemos citar:

Consultoria

Este, naturalmente, é um gasto opcional. A fim de reduzir riscos, sobretudo para quem está começando a investir, contratar uma consultoria pode ser um caminho vantajoso. Esse tipo de fornecedor possui ampla expertise e conhecimento atualizado sobre tendências e boas práticas, o que ajuda o investidor a tomar boas decisões em seus investimentos imobiliários e outros mais.

No entanto, esse serviço possui um custo. Esse varia bastante de consultoria para consultoria e deve ser negociado de antemão para não haver surpresas.

Reforma do imóvel

Se você optou por comprar um imóvel seminovo para alugar ou revender, podem ser necessárias reformas para deixá-lo mais atrativo e valorizado. Portanto, antes de fechar negócio, faça uma estimativa desse custo. Há casos nos quais ele vale a pena, porém, em outros, pode realmente reduzir de modo expressivo a rentabilidade da operação, demandando um aporte inicial mais substancial.

IPTU

O Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU) refere-se a uma taxa a ser quitada anualmente pelo proprietário do imóvel e, desse modo, seu custo também deve ser considerado ao fazer investimentos imobiliários.

Vale lembrar de que o pagamento antecipado rende descontos no valor. Por isso, planejar essa retirada com antecedência é importante para garantir custos menores. Após a locação do imóvel, esse custo poderá ser transferido ao locatário, conforme tratativas em contrato. 

Condomínio

Esse é outro custo que deve ser considerado quando se adquire imóveis para investimento. Nos períodos nos quais o imóvel não estiver locado, esse gasto mensal pode ser expressivo para o proprietário. 

Imposto sobre Transição de Bens

O Imposto sobre Transição de Bens Imóveis (ITBI) refere-se à principal taxa cobrada sobre a compra do imóvel. Trata-se de um percentual do valor do bem, sendo esse um imposto municipal variando, portanto, de cidade para cidade. 

Documentação

Muitos investidores iniciantes acabam ignorando esse que é um custo importante no fechamento de seus investimentos imobiliários. Ele engloba os documentos demandados para que o imóvel seja legalmente seu, incluindo a escritura pública e o registro do imóvel. O valor varia conforme o estado de localização do imóvel. 

Dicas para cobrir os custos de fechamento nos seus investimentos imobiliários

Como vimos, além do gasto no bem em si, outros podem estar envolvidos no fechamento de investimentos imobiliários. Isso, naturalmente, não tira a atratividade desse mercado, apenas demanda um planejamento financeiro mais consistente.

Portanto, antes de fazer lances e negociações, comece formando uma reserva financeira para imprevistos e para custos de fechamento relacionados aos investimentos. Ainda, sempre que seu planejamento permitir, verifique se pagamentos à vista ou antecipados geram descontos ou outras vantagens. Com o desconto de um pagamento, é possível, por vezes, cobrir integralmente outros custos.

Também é importante sempre registrar em contrato todas as negociações realizadas. Todos os custos associados à transação devem ser previamente esclarecidos e registrados, para não haver surpresas com gastos altos e inesperados. 

Por fim, outra iniciativa que pode ajudá-lo a cobrir custos de fechamento nos investimentos imobiliários é a diversificação de seu portfólio de investimentos. A diversificação permite reduzir riscos e potencializar a rentabilidade de sua carteira, o que contribui para elevar seu patrimônio e oferecer possibilidades de novas negociações mais vantajosas e margens de lucro contínuas para utilizar como recurso para esses gastos adicionais.

Você está em busca de boas oportunidades de investimentos imobiliários? Então, conheça já as opções disponíveis na Vitacon!

Relacionados
Investimento Descomplicado

Desde 2009, trabalhamos com
o propósito de reinventar a cidade.

Buscamos soluções inteligentes
de moradia que melhoram a qualidade
de vida de todos.