October de 2018 | Investir em imóveis

Anunciar aluguel em imobiliária: é vantajoso?

Anunciar o aluguel em imobiliária pode ser uma ótima opção para quem busca locar seu imóvel. A contratação de uma imobiliária garante segurança e simplicidade, exigindo pouco envolvimento dos proprietários com menos tempo para dedicar ao seu negócio.

No entanto, realizar o processo de locação sem o intermédio de uma imobiliária também pode ser uma ótima ideia – principalmente para os investidores que desejam aproveitar ao máximo a rentabilidade dos seus investimentos.

Confira, a seguir, porque existem proprietários optando por não contratar uma imobiliária e quais as diferenças entre as duas alternativas.

Por que alguns investidores preferem fechar o contrato de seu aluguel sem o intermédio de uma imobiliária?

As maiores vantagens apresentadas ao fechar o seu contrato de aluguel em imobiliária é a segurança e a praticidade. A contratação de uma imobiliária para realizar a intermediação entre o proprietário do imóvel e os possíveis locatários pode facilitar os diversos processos envolvidos, tanto antes quanto depois da assinatura do contrato.

No entanto, as taxas administrativas cobradas dos proprietários pelas imobiliárias – que giram em torno de 12% do valor acordado – acabam desestimulando sua contratação.

As diferenças de anunciar seu aluguel em imobiliária e por conta própria

Anunciar o aluguel em imobiliária apresenta como principais vantagens a segurança e a praticidade, uma vez que seus serviços incluem desde a busca por interessados até a revisão legal dos contratos e comunicação com o locatário. Apesar disso, muitas pessoas optam por realizar a locação de seus imóveis sem o auxílio destes serviços de forma tranquila e lucrativa. Mas, para isso, é necessário estar preparado.

Por isso, é importante analisar bem todos os aspectos de ser o responsável pela locação do próprio imóvel e decidir se vale a pena, ou não, pagar as taxas de uma imobiliária para evitar dor de cabeça. Veja as principais preocupações que o proprietário deve ter com o seu imóvel e o que a contratação de uma imobiliária pode oferecer:

Facilidade de acesso aos clientes

Uma das maiores vantagens de anunciar o seu aluguel em imobiliária é a base de clientes a qual ela tem acesso. A contratação de corretores faz com que o seu imóvel tenha mais chances de ser alugado de maneira rápida, evitando perder o dinheiro da locação ao esperar por meses até encontrar um locatário.

Além disso, o maior número de interessados no imóvel também facilita na obtenção de propostas melhores para renda pelo aluguel, permitindo a você escolher o locatário que julgar mais vantajoso. Porém, em casos em que já existem locatários interessados – principalmente pessoas conhecidas ou de confiança – a visibilidade provida pelas imobiliárias acaba sendo desnecessária.

Garantia locatícia

A forma de garantia mais utilizada no mercado imobiliário é a fiança. Nos contratos de locação, o proprietário exige que um fiador se responsabilize por quitar a dívida do afiançado, caso ele atrase o pagamento ou não pague o valor correto – sendo que existem vários detalhes que podem mudar entre um contrato de fiança e outro. No entanto, existem, também, outras modalidades de garantia, como o seguro de fiança locatícia e a caução.

O seguro de fiança locatícia é executado por uma companhia seguradora, que conta com profissionais especializados para redigir os contratos de garantia. A modalidade da caução, por sua vez, abrange um depósito chamado Fundo de Conservação do Imóvel (FCI), ou Taxa de Conservação do Imóvel (TCI), que o locatário passa a assumir ao fazer o procedimento de locação.

O valor do FCI é, normalmente, um percentual de 3 a 5% do valor do aluguel, que passa a formar uma espécie de poupança protegida pelo locador. Ao fim do contrato, o locatário recebe permissão para realizar o levante do dinheiro novamente, com os requisitos de estar com todos os débitos pagos e que todas as condições do imóvel acordadas no contrato estejam atendidas.

Com a contratação de uma imobiliária para o seu aluguel, os contratos de garantia serão elaborados por ela, o que deve assegurar proteção legal contra o não pagamento ou danos ao imóvel por parte do locatário. Para os proprietários que optam por não realizar seu aluguel em imobiliária, é importante a orientação de um profissional para a realização da garantia locatícia, seja qual for a modalidade escolhida.

Problemas de relacionamento

A comunicação com outras pessoas pode nem sempre ser eficiente e se tornar cada vez mais desgastante – principalmente em relações de negócios, que envolvem dinheiro. Esse critério depende muito de cada caso e das preocupações do proprietário com o contato que deverá ser estabelecido com seu locatário.

Algumas discussões necessárias no relacionamento entre os locadores e locatários podem ser desconfortáveis, como reajustes no valor do aluguel, responsabilidade sobre reformas, possíveis danos ao imóvel, ou, até mesmo, atraso no pagamento.

No entanto, uma vantagem de utilizar o intermédio ao escolher oferecer o aluguel em imobiliária é que você não terá que lidar diretamente com o seu locatário, pois seu corretor será responsável por resolver todas estas questões. Isso pode ser tanto extremamente necessário quanto completamente dispensável – por isso, é importante analisar com calma se você está disposto a lidar com o seu locatário diretamente ou prefere a ajuda de terceiros para isso.

Análise legal do contrato

As regras sobre os tipos de garantia locatícia, condições do imóvel, pagamento de condomínio e IPTU, além das responsabilidades sobre manutenções e reformas são muitas. Ao anunciar o aluguel em imobiliária, o contrato é redigido de forma a que os administradores saibam as suas incumbências e notifiquem o proprietário quando houver necessidade ou ocorrer alguma irregularidade.

Isso evita a preocupação de receber multas pelo comportamento inadequado do locatário, pois a imobiliária é responsável por fazer o acompanhamento do inquilino. Para quem está pensando em locar seu imóvel sem o intermédio de uma imobiliária, é importante buscar ajuda profissional de um advogado, que possa redigir um contrato justo e que proteja o proprietário de futuras complicações.

Vistoria dos danos no imóvel

Antes de fechar o contrato de locação, é muito importante que o imóvel passe por uma intensa vistoria. O processo de vistoria busca registrar todas as marcas e características da edificação – servindo como base para comparação dos possíveis danos que os inquilinos tenham ocasionado no imóvel.

Esse levantamento deve ser o mais completo possível e anexado ao contrato, sendo que qualquer dano não registrado no anexo de vistoria que for identificado após a ocupação é de responsabilidade do locatário, que deverá arcar com seu conserto. Com a contratação de uma imobiliária, corretores habituados a analisar as edificações serão responsáveis por realizar as vistorias e elaborar os relatórios, o que pode significar uma maior segurança contra danos.

Responsabilidade de limpeza e manutenção

O imóvel é um produto a ser comercializado, por isso, deve ser mantido em boas condições e de forma atrativa aos possíveis clientes – o que requer manutenções e limpezas frequentes. A intermediação do aluguel em imobiliária pode passar esse tipo de cuidado para seus funcionários, ou até mesmo empresas terceirizadas, que se encarregam de manter o imóvel sempre limpo e organizado para facilitar a locação.

No ramo do investimento em imóveis, é importante estar preparado para escolher sempre as opções mais vantajosas para o seu negócio, inclusive na hora de definir anunciar aluguel em imobiliária. Se você deseja saber mais sobre o assunto, confira o nosso “Guia do investidor imobiliário: como fazer bons negócios” e até a próxima!

Compartilhe

Comente

0 Comentários

Entre em contato
com a gente
>
Pelo whatsapp

É só clicar (11) 97534-6551 e enviar um oi.

Pelo telefone

Liga pra gente: (11) 3588-4101.

Pelo chat

É só clicar.

Quero agendar uma reunião

Você escolhe onde e quando.

Chat

Reunião