money for startup, start capital for business concept

O ano de 2019 está começando e com ele vem a renovação da expectativa de fazer ótimos negócios. Para quem está pensando em começar a investir em imóveis este ano, é importante começar a planejar o mais cedo possível para estar preparado e aproveitar as melhores oportunidades que o mercado vier a oferecer. 

Mas fazer um planejamento financeiro nem sempre é uma tarefa simples, e muitos investidores ainda precisam de uma mãozinha para se preparar para começar a investir em imóveis. Como deve ser feita a organização das economias da família? Que detalhes devo observar? A que aspectos devo estar atento antes de investir em imóveis?

Por isso, trazemos aqui algumas dicas de como fazer o seu planejamento financeiro para tornar a tarefa de começar a investir em imóveis mais fácil. Confira a seguir alguns passos que você deve tomar para organizar a sua vida financeira e que aspectos você deve observar para garantir o sucesso dos investimentos imobiliários que vier a fazer este ano.

Conheça as suas finanças

O primeiro passo para começar a investir em imóveis sempre é organizar as suas economias. Faça um controle de todo o dinheiro que entra, assim como todos os gastos fixos e a média de despesas variáveis da família. Analise quanto dinheiro costuma sobrar por mês, e quanto você tem guardado. A partir disto, você será capaz de avaliar quanto você pode e quer gastar com um investimento imobiliário, o que será um dos critérios utilizados para escolher o melhor imóvel para a sua aplicação.

Monte uma reserva de segurança

Ao organizar suas finanças, não esqueça que todos os investidores estão sujeitos a imprevistos. Assim, monte uma reserva financeira de segurança para você e sua família, deixando uma quantia razoável de dinheiro reservada para eventuais contratempos antes de investir. Isso não apenas pode ajudar você a lidar melhor com situações de emergência financeira, mas também manterá o seu investimento muito mais seguro.

Imóveis não costumam ter liquidez alta, o que significa que normalmente demoram algumas semanas para serem vendidos – o que leva muita gente a diminuir o seu preço em momentos de necessidade para reverter o seu investimento em dinheiro com mais rapidez. No entanto, isso pode ser desastroso para os seus negócios, até mesmo gerando prejuízo. Desta forma, manter uma reserva de segurança é de extrema importante para qualquer investidor.

Estabeleça os seus objetivos para investir em imóveis

Com todo o seu controle financeiro em mãos, o próximo passo é identificar claramente quais os seus principais objetivos para investir em imóveis. Você busca um investimento com retorno a curto ou longo prazo? A ideia é comprar um imóvel para valorização e venda, ou gerar lucro com a locação do espaço? Você tem como prioridade a capacidade de lucro do negócio, ou a segurança de receber um retorno estável? Todas estas decisões devem ser tomadas com base na sua situação econômica atual e impactarão bastante no seu planejamento financeiro e na escolha da melhor opção de imóvel para o seu investimento.

Faça uma pesquisa de mercado

Conhecer um pouco das opções que existem no mercado pode ser de grande ajuda para você ter uma ideia do preço dos imóveis e do potencial de rentabilidade deles. Agora que você sabe os seus objetivos, pesquise por opções adequadas às suas expectativas e busque anotar a média de preço de compra e de locação em diferentes regiões. Isso será de grande ajuda para você fazer os cálculos do seu investimento e na hora de efetivamente comprar o seu imóvel.

Tenha tudo na ponta do lápis

Agora, vamos às contas. Depois da pesquisa de mercado, você já tem ideia de quanto custaria o seu investimento – assim como o seu potencial de retorno mensal. Ao valor do imóvel, lembre-se de adicionar custos extra com documentação, taxas e impostos, além de possíveis reformas que venham a ser necessárias. Com estes dados, você será capaz de calcular a rentabilidade do seu negócio, e aproximar o tempo de retorno da sua aplicação. Quando for pesquisar negócios para comprar o imóvel, você vai ter uma base na qual fundamentar comparações e escolher a melhor opção para você.

As formas de pagamento e a economia

Organizar as suas finanças ajuda a visualizar qual a melhor forma de aplicar o seu dinheiro ao investir em imóveis. Você já possui poder de compra suficiente para adquirir o imóvel à vista? Ou pretende fazer um financiamento, dando um valor de entrada e pagando o resto para o banco ao longo dos meses?

O contexto econômico pode influenciar bastante na sua capacidade de investir – principalmente em caso de financiamento. Em momentos de congelamento da economia e alta de juros, as condições para financiar um imóvel pioram consideravelmente, e os juros cobrados pelos bancos costumam inviabilizar muitos investimentos. Porém, nestes momentos os imóveis também tendem a desvalorizar, abrindo vantagem para que quem tem poder aquisitivo possa adquirir o imóvel e aguardar pelo reaquecimento da economia para que ele passe a render, enquanto teve um custo inicial relativamente baixo para o seu investimento.

Em momentos de aquecimento da economia, as condições de financiamento melhoram bastante com a queda dos juros. No entanto, os imóveis também tendem a valorizar. Então, é importante estar atento às oscilações do mercado e às variações dos juros, de forma a aproveitar os melhores momentos para fazer o seu investimento.

Mantenha a cabeça no lugar

Agora você já deve estar pronto para explorar o mercado e encontrar o melhor negócio para você. A última dica é que, antes de fazer qualquer investimento, você não se deixe levar pela empolgação de uma boa oportunidade e pense bem antes de fechar o negócio. Quando se trata de aplicações financeiras, a racionalidade é muito importante para garantir a segurança e o sucesso dos seus investimentos.

 

Investir em imóveis pode ser uma ótima forma de proteger o seu patrimônio e aumentar a sua renda, sendo uma aplicação muito interessante para o seu dinheiro. No entanto, a fase do planejamento financeiro é essencial para garantir que o seu investimento tenha um impacto positivo nas suas economias e que o seu negócio seja um sucesso.

Gostou das nossas dicas sobre como fazer um planejamento financeiro da melhor maneira? Tem outras dicas de como organizar as suas economias ou fazer planos para o seu investimento? Conte para a gente a sua opinião ou deixe as suas dúvidas nos comentários abaixo!

0
master
Posts Relacionados