Perdizes ganha imóveis desenhados para universitários e aposentados

O distrito de Perdizes, na zona oeste, é uma ilha de solteiros: 23% das residências na região (que também inclui Sumaré, Pompeia e Vila Anglo) têm apenas um morador -bem acima dos 14% registrados na capital, de acordo com dados do IBGE.

Essa tendência demográfica é espelhada nos apartamentos que estão surgindo por lá. Imóveis de um e dois quartos representam 74% do total de lançamentos nos últimos cinco anos, sendo que 38% do total têm apenas um quarto, segundo a consultoria imobiliária Geoimovel.

A concentração de faculdades como PUC-SP e Santa Marcelina reforçam essa tendência, de acordo com Alexandre Frankel, CEO da incorporadora Vitacon.

A empresa tem quase 500 unidades no distrito -70% têm em média 28 m². “Em geral, os prédios ficam em vias principais, como a rua Turiassu e a avenida Sumaré”, diz.

Aluno de Direito da PUC-SP, Agnaldo Almeida Júnior, 18, vive sozinho em um apartamento no entorno da faculdade. “É um bairro residencial, mas que também tem de tudo: supermercados, restaurantes, academias e cafés. Além de ser bem localizado.”

A chefe de cozinha Nathalia Vergili, 29, há dez anos na capital, sempre viveu nas redondezas, e até seis meses atrás era mais uma na estatística de moradores solitários. “Agora moro com meu namorado em Pompeia.

Acho que é o próximo bairro a estourar, estão abrindo vários restaurantes e bares.”

Além dos estudantes, aposentados e divorciados encorpam o bloco dos sozinhos e já estão na mira das construtoras. Em maio a Vitacon vai lançar um empreendimento só para pessoas mais velhas: o VN Perdizes, com apartamentos de um dormitório com portas mais espaçosas, barras de apoio nos banheiros e serviço de cuidadores e fisioterapeutas. As obras devem terminar em 2019.

Segundo Pedro Cabral, gerente comercial da Even, os imóveis compactos também “têm tido grande adesão por parte de investidores, que veem uma oportunidade na locação para estudantes”.

A incorporadora é responsável pelo Linea Perdizes, que tem apartamentos de 29 m² a 30 m² e facilidades como lavanderia coletiva, home office e três piscinas.

 

Fonte: FOLHA DE S.PAULO

0
master
master
Posts Relacionados