Hand of businessman choosing house model, Planning buy Real Estate

O mundo dos investimentos imobiliários oferece muitas modalidades de aplicação para os investidores interessados, sendo capaz de atender a objetivos e expectativas diferentes. Uma opção de investimento que tem a perspectiva de se tornar cada vez mais popular com a realização de eventos online é a compra de imóveis em leilão. Os imóveis em leilão costumam apresentar uma grande vantagem em relação aos outros investimentos imobiliários no mercado: o grande desconto sobre o valor do imóvel na compra.

No entanto, apesar de ter um ótimo preço de aquisição, grande parte dos investidores não conhece bem esta parcela do mercado imobiliário, e evita comprar imóveis em leilão. Mas por que isto acontece? Quais são as desvantagens dos imóveis em leilão? 

Confira a seguir como funciona este mercado e a quais desvantagens você deve estar atento:

Como funciona o leilão de imóveis?

O leilão de imóveis é realizado quando o banco ou a justiça toma os bens de pessoas que estão devendo ou imóveis com má utilização. Assim, eles podem estar em leilão pelos mais diversos motivos: 

  • Imóveis cujos proprietários não pagaram o financiamento do bem
  • Imóvel utilizado como garantia de dívida e crédito
  • Imóveis de devedores de impostos, dívidas trabalhistas ou INSS
  • Imóveis cujos proprietários são falecidos e não deixaram herdeiros
  • Imóveis de condenados, sendo que podem ser desde políticos corruptos e empresários fraudulentos a traficantes.

Desta forma, é possível encontrar diversos tipos de imóveis em leilão – desde terrenos até casas, apartamentos ou áreas comerciais. Além disso, existem dois tipos principais de leilão de imóveis: os extrajudiciais, promovidos pelo banco e sem brigas na justiça, e os judiciais, quando todo o processo é realizado sob orientação jurídica.

Quais são as vantagens de investir em imóveis em leilão?

A principal vantagem de investir em imóveis em leilão é que eles costumam ser vendidos a custos muito abaixo do seu valor de mercado: normalmente o valor mínimo é 50% do seu valor original, mas em momentos de baixa nos valores do mercado, a quantia pode ser uma fração ainda menor do real valor do imóvel. Isto é uma ótima notícia para qualquer investidor. 

Com um valor inicial tão baixo, é possível arcar com custos extras de aquisição, além de reformas e possíveis pendências legais, mantendo uma boa margem e custo para facilitar a compensação do valor investido e aumentar o lucro recebido. No aspecto financeiro, a compra de imóveis em leilão pode ser um ótimo negócio e com uma enorme rentabilidade quando comparado a outros investimentos imobiliários.

Quais são as desvantagens de investir em imóveis em leilão?

Infelizmente, nem tudo são flores para os interessados em investir em imóveis em leilão. Os maiores problemas enfrentados por quem decide investir neste tipo de imóvel são o desafio de analisar juridicamente se ele não possui pendências que podem gerar problemas após a sua compra e a possibilidade de ainda estar sendo ocupado. 

Investidores com muito estudo e experiência de mercado podem ser capazes de analisar o imóvel para decidir se não terá problemas posteriores à sua aquisição. No entanto, é difícil chegar a este tipo de conclusão sem consultar um especialista. Assim, muitos investidores contratam advogados para avaliarem a situação antes de realizar o investimento.

Outro desafio é que o imóvel pode estar sendo ocupado, até mesmo pela família devedora. Primeiramente, existe o risco de os antigos proprietários entrarem com uma ação judicial alegando quebra de alguma cláusula do contrato ou erro por parte do banco.

Este cenário é raro de acontecer, pois normalmente os antigos proprietários estão em situação de dívida e não têm condições de contratar um advogado para entrar com a ação – sendo que em alguns casos podem até mesmo estar contentes por se livrar do seu débito. No entanto, existem alguns casos em que os antigos proprietários ainda estão ocupando o imóvel, sendo necessário realizar uma ordem de despejo para você poder tirar proveito do seu próprio imóvel.

Além disso, também devem ser avaliados os custos extras para a aquisição do imóvel em leilão. Não apenas terão as despesas com o advogado ou consultor, mas também a taxa paga ao leiloeiro – que normalmente varia entre 5 e 6% do valor do imóvel – e custos com impostos como o IPTU e ITBI, além do registro em cartório, condomínio e corretora. Desta forma, é muito importante que o investidor analise se, com todos estes detalhes a serem observados, o valor ainda será capaz de compensar os custos e riscos de investir em um imóvel em leilão.

É seguro investir em imóveis em leilão?

Depende. É possível realizar investimentos em imóveis em leilão muito seguros e lucrativos, no entanto, por conta de todas as possíveis complicações que este tipo de imóvel apresenta, é muito importante que o investidor seja capaz de analisar previamente as condições do imóvel para saber o que vai encontrar com a sua aquisição. O baixo preço, muitas vezes, pode não compensar a dor de cabeça de lidar com pendências legais ou outros problemas que podem surgir com os ocupantes do imóvel, por exemplo.

Além disso, nem todas as empresas que fazem leilões são confiáveis, e é necessário, também, analisar com cuidado o edital de compra do leilão para evitar problemas de aquisição, como prazo de pagamento. Assim, investir em imóveis em leilão pode, sim, ser um negócio seguro e muito rentável – mas apenas para investidores experientes que sabem o que estão fazendo ou para quem contrata a ajuda de especialistas para avaliar o valor e as condições do imóvel, além da sua situação jurídica.

Os imóveis em leilão podem ser uma ótima oportunidade de investimento com um valor inicial de aplicação abaixo do valor de mercado. No entanto, é necessário um maior conhecimento do setor e a ajuda de especialistas para garantir que está fechando um negócio seguro e lucrativo.

E você, já conhecia as vantagens e desvantagens desta modalidade de investimento imobiliário? Ou já teve a experiência de realizar um investimento em imóveis em leilão? Conte para a gente sua experiência no espaço para comentários!

0
master
Posts Relacionados